O MERCADO DE ORGÂNICOS É UMA REALIDADE SEM VOLTA, E A CERTIFICAÇÃO É A MAIOR GARANTIA DE AUTENTICIDADE DA AGRICULTURA ORGÂNICA.

Postado em 09/08/2018 18:40:40 em Certificadora



Os temas “Alimentação Orgânica”, “Agricultura Orgânica” “Orgânicos” e “Alimentos Saudáveis” tem sido assunto de pauta nos principais veículos de imprensa nos últimos tempos, nas colunas do Agronegócio.


As constantes críticas por parte de grandes produtores rurais ao Projeto de Lei 4576/2016, que trata da venda de alimentos orgânicos no país, têm colocado no centro do debate um mercado em ascensão. Só para se ter uma ideia, de acordo com projeções e estatísticas, em 2018 o setor de orgânicos deverá crescer 20% dos anos anteriores, e fechar com uma movimentação acima de R$ 4 bilhões.


Mas qual é a causa de tanta polêmica envolvendo esse Projeto de Lei?


O PL 4576/2016 determina que produtos orgânicos só podem ser vendidos diretamente ao consumidor em feiras livres ou em propriedade particular, o que altera a Lei 10.831/2003 que dispõe sobre a agricultura orgânica brasileira. 


A Lei da Agricultura Orgânica em vigor permite a comercialização de produtos sem agrotóxicos ou fertilizantes químicos em qualquer estabelecimento, desde que possua o Selo do Sistema Brasileiro de Avaliação da Conformidade Orgânica, adquirido por auditoria realizada por empresas devidamente credenciadas ao MAPA - Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento e Acreditada pelo CGCRE do INMETRO - Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia, como é o caso Savassi Agronegócio, através do seu departamento de Certificação SAVASSI CERTIFICADORA


A Savassi assegura por escrito após um processo minucioso de auditoria, que determinado produto, processo ou serviço se enquadra às normas e práticas da produção orgânica.


Certo! Mas qual é a gravidade desse Projeto de Lei 45762016?


Uma vez aprovado, o projeto representará um retrocesso para a política nacional de agricultura familiar, já que dificultará o acesso ao mercado consumidor. E o interesse maior nesse projeto fica por conta de grandes produtores rurais, devido ao fato dos produtos orgânicos representarem uma alternativa à produção e consumo de alimentos com agrotóxicos. 


Esse projeto, assim como outros relacionados (como o PL 6.229/2002, conhecido como “Pacote do Veneno”) atende diretamente aos interesses das grandes corporações da indústria química vinculadas ao agronegócio, uma vez que a indústria química dos “pesticidas” (nome sugerido por eles em substituição à nomenclatura “agrotóxico”), movimenta um grande mercado a nível mundial.


Mas mesmo em meio a tantas polêmicas e reviravoltas, de acordo com o Diário do Comércio, Indústria e Serviços, em matéria publicada neste último dia 8 de agosto de 2018, (link da matéria), o mercado de Orgânicos no país vem crescendo à taxas de 20%, em média, nos últimos cinco anos. Ou seja, mesmo em meio à recente crise econômica que o Brasil enfrentou, e às constantes crises políticas que continuamos enfrentando, o mercado de orgânicos têm demostrado bastante resiliência, se mantendo firme em crescimento, e comprovando a preocupação da sociedade com a qualidade dos alimentos que levam para a mesa e sustentam a família.


Vamos ver quais serão as cenas dos próximos capítulos nesse entrave de interesses entre a “cultura do agrotóxico” e a “cultura orgânica”.


A Savassi Agronegócio se posiciona como Autoridade Certificadora, se posiciona de forma profissional e acredita que independente de interesses comerciais, o mercado atual com tanta tecnologia existente, tem total capacidade de oferecer soluções que garantem a principal função da agricultura: alimentar e nutrir a população. 


A Savassi Certificadora acredita na alimentação saudável, por isso se firma no mercado de Certificação Orgânica. 


Se você é produtor rural ou comerciante de produtos agrícolas e hortifrúti, e pretende entrar no mercado de orgânicos, já entre com o pé direito. Conte com os serviços da Savassi Agronegócio.


Se você já está no mercado de orgânicos, comprove através de um selo certificador que seus produtos são autenticamente orgânicos. Assim eles serão mais valorizados nesse mercado que cresce cada vez mais! 


Para mais informações, entre em contato com a Savassi.


Compartilhe

Comentários